princípio da moralidade licitação

Responsabilidade do pregoeiro

Pregão presencial passo a passo

Documentos exigidos no pregão
Modalidade pregão
O que é comissão de licitação
Pregão eletrônico
RDC
Sicaf
Homologação e Adjudicação
Roteiro passo a passo para sessão de pregão


Princípio da moralidade 

Significa que a Administração Pública, além de obedecer à Lei, deve respeitar a moral, adotar condutas honestas.

Além disso, lecionou Diógenes Gasparini, que o Tribunal de Justiça de São Paulo trouxe a ideia de que a moralidade administrativa e o interesse coletivo são indispensáveis para a integração da legalidade do ato administrativo.

Tal princípio, para Celso Antonio Bandeira de Mello, está reiterado na referência ao princípio da probidade administrativa, sendo que o procedimento licitatório deverá desenvolver-se pautado em padrões éticos, onde Administração e licitantes devem apresentar um comportamento honesto.